Adelino participa da implantação do programa Rondônia Mais Segura em Ariquemes

O deputado Adelino Follador (DEM) participou na manhã de segunda-feira (12), do lançamento do Programa Rondônia Mais Segura em Ariquemes. A cerimônia aconteceu na sede da Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp), com a presença do governador Confúcio Moura (MDB) e diversas autoridades políticas e dirigentes de órgãos pactuados no Programa.

O Rondônia Mais Segura visa estabelecer a colaboração de todos como a sociedade civil organizada, poderes Judiciário, Legislativo e Executivo a somarem esforços na execução de políticas públicas, com resultados práticos na redução dos índices de violência.

Ele foi construído, através de estudos feitos por uma equipe de profissionais da segurança pública, que colheu informações em todos os municípios do Estado, e estão alicerçados em 14 pilares fundamentais, baseados na estrutura, recursos, tecnologia e comunicação.

Adelino enalteceu as ações importantes que trabalham na prevenção à violência, especialmente, através de programas desenvolvidos pela Polícia Militar, citando a Polícia Militar Mirim, Bombeiros Mirins, Escolinha de Futebol Capitão, Pequeno Samurai, Colégios Tiradentes e o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), dos quais têm dado inúmero apoio, através de emendas parlamentares ou cobranças e acompanhamentos junto aos órgãos responsáveis pela manutenção dos mesmos.

Como colaboração direta em ações de segurança, o parlamentar também destinou emendas para a compra de Kits Biométricos, que atende 14 municípios do Estado, facilitando a confecção de Identidade, através do Instituto de Identificação Civil e Criminal (IICC) e recentemente atendeu ao pedido de peritos da Polícia Técnico-Científica (Politec) com emenda de R$ 103 mil para a aquisição de equipamentos que irão facilitar nas investigações do setor.

O deputado destacou a importância do envolvimento de todos para que as metas estabelecidas sejam alcançadas. “A violência tomou proporções inadmissíveis, por isso é importante que ações como esta sejam desenvolvidas, e que todos tenham consciência em colaborar para que não se torne só mais um programa que não deu certo”, disse Follador.

ALE/RO – DECOM – Assessoria 
Foto: Assessoria 

COMPARTILHAR