Emerson Bacas explica a mordida na orelha e Técnico Batizoco avalia o jogo de forma positiva

Por GloboEsporte.com

STYLLYS MALHARIA

O autor do gol do Real Ariquemes, Emerson Bacas, foi expulso no segundo tempo, depois de uma confusão com o zagueiro Spice, que também acabou expulso. Depois do jogo, em coletiva de imprensa, o atacante explicou a situação e disse que quer o apoio da CBF na resolução do caso.

– A gente ficou discutindo ali e ele veio e me deu a mordida na orelha. Quero pedir pra CBF que olhe esse caso, porque eu fui agredido. Isso é uma agressão. – disse o Bacas, em coletiva pós jogo.

Emerson Bacas mostra o detalhe da orelha machucada — Foto: Reprodução/Rede Amazônica

Em coletiva de imprensa pós-jogo, o Técnico Tiago Batizoco avaliou a partida e destacou que o gol, é a demonstração de uma equipe que busca a classificação.

– Fizemos um primeiro tempo abaixo do normal. Nossa equipe estava muito ansiosa, com muita pressa de fazer o gol e infelizmente nós levamos um gol. Mas, tivemos tranquilidade e maturidade e no segundo tempo mostramos o porquê nós conseguimos a nossa classificação e porque estamos na busca pela classificação – conta o técnico.

Real Ariquemes perde para o Manaus no jogo de ida da segunda fase do Brasileirão Série D — Foto: Reprodução/Rede Amazônica

O Real Ariquemes perdeu para Manaus neste domingo, 16, pelo jogo de ida da segunda fase do Brasileirão Série D. O furacão volta a encontrar o Manaus, no jogo de volta, que acontece domingo, 23, às 17h (de Brasília).

O técnico também elogiou a equipe, que agora se prepara para o jogo de volta.

– A entrega dos jogadores foi algo extraordinário. Agora a gente vai descansar para o jogo contra o Manaus, na casa deles e nós temos capacidade de conquistar um resultado positivo fora de casa. Respeitaremos a equipe de Manaus, mas vamos para lá fazer um bom trabalho – ressaltou Batizoco.