Motorista reage a assalto e morre com tiro na nuca em PVH

Por Diário da Amazônia

STYLLYS MALHARIA

No final da tarde desta segunda-feira, 19, um homem identificado como Silvano Lino, 30 anos, foi morto com um tiro na nuca ao resistir a um assalto, no Bairro Lagoa Azul, na Zona Leste de Porto Velho.

De acordo com a reportagem os assaltantes são menores infratores que haviam recém saído do Centro de Ressocialização, localizado na Avenida Rio de Janeiro, onde cumpriram medidas sócio-educativas por conta de atos infracionais cometidos na capital rondoniense.

Eles teriam roubado uma moto durante assalto em uma residência, ainda na Zona Leste, de ode levaram uma moto de cor prata e dinheiro e estavam trafegando os três no mesmo veículo, quando abordaram o motorista nas proximidades da Rua E, no Lagoa Azul. Ao anunciar o assalto, pois queriam levar o carro e o dinheiro do motorista, um deles teria entrado no carro e durante luta corporal, o condutor acabou sendo atingido com um tiro de revolver calibre 38 na nuca. Silvano morreu no local, depois de bater o carro contra o mudo de uma residência.

Ao tentar fugir do local os menores foram seguidos pela polícia militar, que com apoio do helicóptero, conseguir apreender os três. Eles foram levados para a Delegacia onde estão sendo ouvidos e depois devem ser novamente enviados para o Centro de Ressocialização, onde ficarão novamente à disposição da policia.

De acordo com o Sargento Lima, os três também realizaram um assalto em um mercadinho da região e ao avistar o carro um HB 20 placas OHS 8231, de Porto Velho, tentaram roubar para empreenderem fuga, ocasião em que o proprietário reagiu e foi baleado.

Ainda de acordo com o que levantaram os repórteres Alex Fontes e Osinaldo Alencar, os três menores teriam sido liberados para estudar no período da tarde e deveriam voltar ao centro de Ressocialização no início na noite, o que não aconteceu.